terça-feira, 2 de julho de 2013

Alex Abarbo mostra que a moda tem o dever de incluir

"Gosto de desafios e sei que se eu cheguei até aqui e o tema me escolheu, eu tenho grandes chances de mostrar que a moda tem o  dever de incluir." Alex Abarbo, Estudante de Moda, Oriente-SP.

Olá me chamo Alex Abarbo sou da pequena cidade do interior de São Paulo chamada Oriente, conhecida por ser a cidade onde residiu por muitos anos o ex goleiro da seleção e do Palmeiras ,Marcos, conhecido por “São marcos’’.
 
Eu sempre gostei de moda e a moda sempre viveu em minha vida, me lembro de desenhar em todos os cadernos da escola e sempre presentear as minhas amigas com os croquis com a promessa de um dia chegar a faculdade e então trocar o croqui pelo vestido rs coisa de criança...Em 2009 no 3° colegial já estava decidido a cursar moda. Em 2010, começo na faculdade de moda  realizando um sonho de criança .Em 2011, consegui uma bolsa de estudo do Governo do Estado de São Paulo que se chama Programa Escola da Família, trabalhando aos sábados e o governo paga a faculdade e eu entrando apenas com os materiais. Em 2012, participei de vários concursos e apresentações de moda e conheci o trabalho do Moda Inclusiva através do concurso de Moda Inclusiva do Estado de São Paulo e foi nesse momento que tive meu primeiro contato com a moda inclusiva e com muitos tipos de deficiência. Essa visita me fez ver uma possibilidade na minha frente de criar uma moda aliada a tudo o que eu gosto, atendendo as necessidades das consumidoras. Lembrando que até esse dia meu tcc seria sobre moda festa... Então, imaginem a reação dos meus professores, familiares e amigos??
 
             
Não é fácil trabalhar  nessa área da moda ,confesso, mas gosto de desafios e sei que se eu cheguei até aqui e o tema me escolheu eu tenho grandes chances de mostrar que a moda tem o  dever de incluir. O meu público são mulheres de 20 a 30 anos com paraplegia, cadeirantes que não tem medo da vida ,são vaidosas ,consumistas ,poderosas... Elas podem ter o homem que  quiser ou a mulher, por que não?
 
                    Espero em breve voltar para mostrar meus croquis Inclusivos e a minha coleção, e contar como está sendo escrever a minha Conclusão de Curso.


Obrigado. Bjão.




 
 
 
 

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Adorei o Post, parabéns Alex, nós precisamos de mais estilistas como você !!! Sucesso !

    ResponderExcluir